Análise – Forza Motorsport 7

1.58K (1000)

Desde que foi divulgado, em grande estilo, pela primeira vez oficialmente na E3 2017, Forza Motorsport 7 já mostrava que o nível de realismo das corridas estava subindo vários degraus, mas será que isso tudo se confirma na versão final do jogo? confira na nossa análise de Forza Motorsport 7.

Forza Motorsport 7 foi apresentado na E3 2017 em uma parceria inédita com a Porsche que também apresentou o novíssimo Porsche 911 GT2 RS

Para quem não sabe a apresentação do FM7 na E3 2017 foi marcada por um momento histórico, graças a nova parceria com a Porsche (sim o contrato com a Eletronic Arts acabou, ufa!) o jogo foi revelado ao público juntamente ao lançamento mundial do novíssimo carro da montadora alemã o Porsche 911 GT2 RS, que futuramente ilustraria a capa do jogo.

Coincidentemente neste mesmo evento a Microsoft divulgaria o nome real do seu novo console, previamente batizado de Project Scorpio, o Xbox One X. Com um poder gráfico jamais visto até o momento, o Xbox One X prometia rodar os novos jogos em resolução 4k nativa e 60 fps, tentem adivinhar qual jogo foi escolhido para mostrar o poder de fogo do novo console? Forza Motorsport 7.

Algumas pistas apresentam o efeito de transição climática de forma nativa

Desde então muitas informações foram sendo divulgadas, não apenas do novo console mas principalmente do Forza Motorsport 7, lista de carros, circuitos, modos de jogo e o principal diferencial da franquia que completa 10 anos, pela primeira vez o jogo também seria lançado para Windows 10 por meio do Play Anywhere da Microsoft.

JOGABILIDADE

Muito tem se falado sobre a qualidade gráfica em 4k, não apenas do FM7 mas também de vários jogos recentes que vem aproveitando cada vez mais o poder gráfico das plataformas, porém um ponto importante em um jogo de corrida sempre será a jogabilidade. FM7 é classificado como um “simcade”, ou seja mistura um pouco de simulação e um pouco de arcade, porém com uma jogabilidade mais ajustada. Seja utilizando um volante de última geração ou um gamepad você sempre vai sentir o controle total do carro.

Quando a demo foi liberada muita gente achou estranho o comportamento do Porsche, a ideia da Turn 10 em remodelar a jogabilidade deixando-a mais realista ao tipo de carro que se está pilotando é no meu ponto de vista mais do que bem vinda, afinal de contas se fosse para ter mais do mesmo não seria necessário outro jogo certo? Diferentemente de seu antecessor agora é possível sentir o peso e potência dos mais diversos tipos de veículos em qualquer tipo de controle.

As recompensas podem vir de diversas formas, inclusive com novos carros para sua garagem.

Um fator primordial na melhoria da física e jogabilidade é o sistema de recompensas que o piloto recebe conforme vai melhorando suas habilidades. FM7 não prima por ser um simulador como RaceRoom ou Assetto Corsa, porém ele se aproxima demais na condução mais realista e ao mesmo tempo estimulante conforme o jogador vai desligando as assistências.

GRÁFICOS

Aqui é onde o jogo realmente se destaca dos demais, FM7 é sem sombra de dúvidas o jogo mais bonito e fluído já feito em todos os tempos. Muito desta beleza que vemos em cada curva de FM7 deve-se ao ótimo trabalho realizado pela equipe de produção de Forza Horizon 3, que trabalharam muito aprimorando as texturas dos elementos envolvidos nas corridas. O fruto deste belíssimo trabalho é refletido no imenso sucesso que Forza Horizon 3 alcançou, criando um novo conceito de jogos de corrida arcade em mundo aberto, ofuscando inclusive o eterno e mais conhecido jogo de corrida nos PC e consoles, a franquia Need for Speed.

Os belíssimos gráficos fazem você questionar-se constantemente se é um jogo ou realidade.

O grande trunfo de FM7 é que por ser um flagship consegue extrair todo o poder de processamento do Xbox One, isso quer dizer que você conseguirá jogar em 1080p e 60fps sem quedas de rendimento, mesmo com um grid de carros extenso. Se você tiver um bom PC poderá desfrutar o jogo em seu ápice, rodando em resolução 4k e 60fps, o mesmo vale para o Xbox One X quando for oficialmente lançado.

As animações nos circuitos são outro show a parte, os circuitos locais vem a cada edição recebendo maior atenção dos designers. Forza Motorsport 6 nos apresentou o circuito do Rio de Janeiro, com a orla carioca e o cristo redentor ao fundo, em Forza Motorsport 7 o local escolhido foi a cidade de Dubai com seus altos prédios, as areias do deserto cortando a pista e uma zona montanhosa super sinuosa que irá colocar em teste suas habilidades. Mais do que simples pistas idealizadas do zero, elas são verdadeiras obras de arte.

SOM

A parte sonora talvez seja o ponto que mais evoluiu desde o último título, o ronco dos motores é insanamente maravilhoso, os estalos das reduzidas de marcha são super reais, sem contar outros efeitos sonoros que antigamente eram ignorados estão presentes com muita qualidade.

O ronco da Ferrari F1 641 rasgando a reta de Monza é ensurdecedor.

Utilizando a câmera interior do cockpit é possível ouvir a reverberação do motor, peças externas balançando e fazendo barulho no atrito com o vento, os pneus cantando nas curvas e freadas mostrando que estão no limite e muito mais. Se você tem um fone de ouvido over-ear de boa qualidade experimente reduzir bruscamente as marchas do Porsche 911 GT2 RS, assim você entenderá bem melhor o que estou dizendo.

A trilha sonora do jogo também foi substancialmente melhorada, ela está presente nos menus e como pano de fundo das corridas. Algumas músicas inclusive passam uma sensação de momentos épicos como vemos em grandes filmes. Mesmo sendo uma seleção de ótima qualidade, eu particularmente prefiro mutar as músicas durante as corridas, vai de gosto!

MULTIPLAYER

O multiplayer que já era bom na versão anterior volta ainda melhor, nota-se novamente a influência positiva de Forza Horizon 3 e seu ótimo sistema online. É possível criar lobby personalizados, convidar amigos ou simplesmente entrar em um lobby random e partir para a corrida.

O modo em tela dividida é extremamente divertido para jogar entre amigos localmente.

Nós testamos algumas corridas e aparentemente caímos em alguns lobby gringos, a conexão (adsl 5mb) se comportou muito bem durante a corrida, com pouquíssimos lags e uma jogabilidade jogável, quem possuir uma conexão melhor não vai encontrar problemas. A única ressalva negativa aqui vai justamente por (até o momento) não possuir servidores BR, o que melhoraria e muito a jogatina, mas isso não chega a ser um problema.

Outro modo que parece ser bem interessante porém ainda não está disponível são as Ligas, acreditamos que seja algo vinculado ao E-Sports, com diversos tipos de campeonatos divididos em classes de carros, categorias, experiência dos jogadores etc, resta-nos aguardar para conferir.

Existe um outro modo de jogo que não se encontra na aba multiplayer, porém pode ser classificado como tal, a tela dividida. Os jogadores podem escolher diversos tipos de carros e pistas disponíveis e correr livremente em uma disputa intensa 1 x 1. Aqui pode ver como a Turn 10 trabalhou bem na otimização do jogo, mesmo jogando no Xbox One dificilmente você sentirá queda de frames, lentidão etc, este é com certeza um dos modos mais divertido para jogar localmente.

DIVERSÃO

Nossa análise de Forza Motorsport 7 inaugura este novo quesito nas análises, afinal de contas o que adianta analisar os pontos técnicos de um jogo e não dizer se ele é ou não divertido! cá entre nós Forza Motorsport 7 é divertido DEMAIS.

Nem sempre a gente vence, mas quando a vitória chega a comemoração é com estilo!

Todo o conteúdo de FM7 é pensado na diversão do jogador, conforme você avança, seja na campanha off-line ou no modo multiplayer, o jogo te recompensa com conteúdos cada vez mais interessantes. Estes estímulos levam o jogador a querer cada vez mais melhorar seus tempos, derrotar os rivais, aumentar a sua garagem, aperfeiçoar seu estilo de direção etc.

Grande parte desta diversão vem de um nível de realismo inacreditável, FM7 conta com 30 circuitos reproduzidos fielmente em cada detalhe, uma garagem com mais de 700 carros (150 a mais do que Forza Motorsport 6), dentre estes estão inclusos a maior quantidade já vista de Lamborguinis, Ferraris e Porsches em um jogo de corrida.

A Copa de Pilotos Forza proporciona diversos desafios nas mais diversas categorias.

A cereja do bolo em FM7 é com certeza o clima dinâmico, a transição automática do clima é super realista e impressionante. Começar uma corrida com o céu nublado, conforme a corrida segue você vê as nuvens fechando, as primeiras gotas caindo no para-brisa, poças começando a surgir em determinados setores do circuito e quando você menos espera a tempestade toma conta da prova e você vai precisar mostrar que suas habilidades vão além das pistas secas (Senna Mode On).

Juntando tudo o que foi analisado acima podemos ter a certeza de que temos uma verdadeira obra de arte nas mãos, o pessoal da Turn 10 chegaram a um nível de qualidade que pouquíssimas produtoras fazem parte, o resultado disso é um produto final que beira a excelência e deve ser jogado seja você fã ou não de automobilismo.

"Maniômetro"

Jogabilidade10
Gráficos10
Som10
Multiplayer7.5
Diversão10

Prós

  • Gráficos super fluídos em 4K
  • Jogabilidade super precisa mesmo com Gamepad
  • Trilha sonora e efeitos sonoros super realistas

Contras

  • Servidores gringos com lag podem atrapalhar

Conclusão

9.5Seja por seus gráficos em 4K e 60fps, seja por sua jogabilidade precisa ou até mesmo pelos insanos roncos dos motores, Forza Motorsport 7 é uma experiência recomendada a todos os fãs (e até mesmo os não fãs) do mundo automobilístico. Dentre os diversos jogos do gênero disponíveis no mercado, o produto da Turn 10 é incontestavelmente o melhor.

Telmo Camargo
o autorTelmo Camargo
Xbox Mania
Amante de um bom Rock n' Roll, Videogame, Corridas e Hockey, sim HOCKEY, aquele que os caras patinam no gelo atrás da "bolinha". Ahhh sim agora também Pai e um pouco menos gamer porém com Fé que tudo vai melhorar \o/

Deixe uma resposta