Análise – Super Volley Blast

257

Quem viveu a década de 80 presenciou o nascimento de diversos jogos tidos hoje como clássicos, estes clássicos vira e mexe chegam às novas plataformas em versões atualizadas, com gráficos mais refinados, controles mais precisos, movimentação mais fluida etc, ou seja, os conhecidos “remaster”.

Os anos 80 em especial nos apresentaram um gênero muito divertido, os Arcade Sports, jogos que tinham gráficos 2D e reproduziam de forma fiel (para a época) o ambiente de uma modalidade específica, porém uma das características mais marcantes neste tipo de jogo era a diversão.

Entre os mais famosos temos Punch-Out! (boxe), Track & Field (olimpíadas), Califórnia Games (jogos de verão) e Beach Volley (vôlei de praia) que com certeza foi uma das maiores referências para o pessoal da Unfinished Pixel.

Super Volley Blast é um jogo simples e divertido, assim como os jogos de esporte da década de 80, porém com mecânicas e visuais aperfeiçoados. Quem jogou Beach Volley do AMIGA vai se sentir em casa.

O jogo apresenta diversos modos de partida, entre eles casual, torneio, modo história e o super blast. Na tela inicial também temos o modo tutorial, desafios e o editor de avatar, um dos itens mais legais do jogo. No editor de avatar o jogador pode criar seu personagem como bem quiser, nele é possível customizar praticamente tudo, nome, gênero, corpo, cabeça, cabelo e muito mais, tudo isso com suas devidas colorações e medidas avançadas que te possibilitam criar fielmente seu personagem e de seus amigos.

Os cenários foram muito bem representados, no total são nove localidades representadas por oito cidades e uma arena genérica. Todos cenários possuem cores vivas, animações e representações cartunescas de pontos turísticos, como por exemplo o Central Park de Nova York e o Cristo Redentor do Rio de Janeiro.

A jogabilidade é totalmente arcade e responde muito bem aos comandos, dificilmente você vai deixar de bloquear uma cortada por um erro do controle, mas sim por mérito do time adversário. Os comandos são bem simples, recepção, bloqueio, salto e ataque, com algumas combinações os jogadores podem executar comandos especiais como um super saque ou super cortada, ao melhor estilo NBA JAM.

A parte sonora não compromete, cada cenário possuiu sua trilha sonora e efeitos da torcida, todos com aquele toque retrô anos 80.

A maioria das partidas são disputadas (não customizadas) no conhecido estilo duplas, onde quem chegar primeiro a quantidade de pontos necessária vence a partida, porém é possível criar uma partida com as regras da forma que desejar no modo casual.

Porém a característica mais marcante em Super Volley Blast é sem a sombra de dúvidas a diversão. Na época em que não existia internet, a diversão era garantida com partidas locais onde um grupo de amigos juntavam-se para disputas acirradas e cheias de zoação.

Em Super Volley Blast é possível jogar até quatro jogadores ao mesmo tempo modo casual ou até mesmo dezesseis no modo torneio. O jogo em equipe é a chave para as vitórias, seja no bom posicionamento na quadra, seja na comunicação ou até mesmo nas habilidades de cada jogador.

Reúna a galera e venha curtir uma partida nas ensolaradas praias de Barcelona ou sob a benção do Cristo redentor, em Super Volley Blast a diversão é garantida.

Agradecemos o pessoal da Unfinished Pixel que disponibilizaram uma cópia de avaliação para a análise.

Super Volley Blast está disponível para PC (Steam), Playstation 4 e Xbox One.

"Maniômetro"

GRÁFICOS8
SOM7
JOGABILIDADE9
DIVERSÃO10

Prós

  • Completa customização de avatares
  • Jogabilidade simples e precisa
  • Multiplayer local para até 16 jogadores
  • MUITO DIVERTIDO

Contras

  • Efeitos sonoros simples
  • Trilha sonora genérica

Conclusão

8.5Super Volley Blast consegue trazer de volta a diversão dos bons e velhos Arcade Sports dos anos 80. A jogabilidade simples aliada a novas mecânicas fazem do jogo um exemplo a ser seguido para outros títulos que tentaram trazer de volta alguns clássicos mas falharam no ponto crucial, a diversão.

Telmo Camargo
o autorTelmo Camargo
Xbox Mania
Amante de um bom Rock n' Roll, Videogame, Corridas e Hockey, sim HOCKEY, aquele que os caras patinam no gelo atrás da "bolinha". Ahhh sim agora também Pai e um pouco menos gamer porém com Fé que tudo vai melhorar \o/

Deixe uma resposta